9 9206 3672
CRÔNICA DO LOVE TIMES
21.06.2016
O jarro de vidro
O professor chega à sala de aula e coloca um grande jarro de vidro vazia sobre a mesa. Em seguida, pega uma sacola cheia de bolas de golfe e as coloca dentro do jarro, preenchendo-o até a boca.
Ele se vira para a sala:
Professor: Muito bem, caros alunos. Como vocês observaram, acabei de encher esse jarro de vidro, certo?
Alunos: Certo.
Professor: Não. Errado!
Os alunos ficam um pouco surpresos, mas continuam a prestar atenção no professor.
Agora o professor pega outra sacola, desta vez cheia de pedrinhas pequenas. Ele as joga dentro do jarro e vai chacoalhando-o para que as pedras possam preencher os espaços vazios.
Ele se vira novamente para a sala e diz:
Professor: A-há! O jarro não estava cheio como puderam observar! Ainda cabiam algumas pedrinhas nos espaços vazios. Agora está cheio! Ou não?
Os alunos, sem saberem o que responder, continuaram prestando atenção no professor esperando pelo que viria a seguir.
Mais uma vez, o professor pega uma sacolinha. Desta vez, está cheia de açúcar. Novamente, ele despeja o açúcar no jarro de vidro com as bolinhas de golfe e as pedrinhas.
Com um sorriso, o professor vira para a turma:
Professor: Bom, como vocês desconfiaram, o jarro ainda não estava cheio. Consegui colocar um monte de açúcar. Agora sim! Está cheio! Certo?
Alguns alunos responderam que sim, outros ainda não tinham certeza do que responder.
Em seguida, o professor pega seu cafezinho que estava sobre a sua mesa, faz um gesto de brinde aos alunos e… Isso mesmo! Despeja o café lentamente dentro do jarro. Os alunos riem.
MORAL DA HISTÓRIA
Percebendo a confusão dos alunos, o professor finalmente resolveu explicar aos alunos o que a história significava.

Professor: O jarro é sua vida. As bolas de golfe são as coisas que você considera mais importantes, como a sua família, seus valores, suas crenças, amigos e família, entre outros. As bolinhas representam as coisas indispensáveis. Aquelas que, se você tivesse somente a elas, sua vida já estaria preenchida. Já as pedrinhas representam as coisas que você acumula durante a sua vida: seu trabalho, sua casa, carro, músicas, filmes, etc. O açúcar é todo o resto. O seu dia a dia.
Qual a conclusão dessa história?
Alguns alunos arriscaram dizer: Tem espaço para tudo na vida?
Professor: Muito melhor que isso! O mais importante é a sequência. Se eu tivesse colocado as pedrinhas ou o açúcar primeiro no jarro, eu não conseguiria preenchê-lo. Essa foi uma demonstração da importância das prioridades e de como deve ser a hierarquia das coisas. Se eu não tivesse seguido essa ordem, nem todos os espaços teriam sido preenchidos.

FOCO E ENERGIA PARA TODAS AS COISAS
Se você concentra toda a sua energia e foco nas pequenas coisas o tempo todo, chegará um momento que você estará tão envolvido nos detalhes, que não terá espaço para as coisas maiores e que realmente importam.
Saber priorizar o que realmente é importante é crítico na hora de tomar uma decisão. Dedicar tempo para a sua família, cuidar da sua saúde, cuidar de quem gosta de você são as bolas de golfe.
Muitas vezes perdemos tempo e energia brincando com o açúcar porque distrações doces não faltam.
Aprenda a despejar as coisas na ordem certa. Aprenda a dizer sim e aprenda a dizer não. Saber priorizar é fundamental.
Um aluno perguntou: Professor, e o café? O que ele representa?
O professor riu e completou: O café era só para lembrar que sempre dá para encaixar um cafezinho despretensioso com alguém na sua agenda.

MAIS MENSAGENS
Um Sucesso Puxa Outro
2ª a 6ªfeira, das 12h às 12h30min