9 9223-8585
NOTÍCIAS
11.03.2014 - 11h03
Vereador ainda busca duas assinaturas para abrir CPI sobre Altos da Aviação
A polêmica envolvendo a lista de contemplados do Condomínio Altos da Aviação marcou a sessão desta segunda-feira (10) da Câmara de Vereadores de Venâncio Aires.

Precisando de cinco assinaturas para propor uma Comissão Parlamentar de Inquérito, o vereador do PP, Eduardo Kappel, deu seqüência ao assunto, iniciado na última sessão. Até o momento, além dele, garantiram a assinatura da CPI os vereadores do PTB Celso Kramer e José Arnildo Câmara.

Segundo Kappel, há pessoas ligadas a partidos da situação que foram contemplados com apartamentos. “Alguém concorda que a irmã do secretário receba uma casa? Me informaram que tem uma advogada formada tirando a vaga de um pobre. E há necessidade de dar duas casas para a mesma família?”, questionou o vereador.

O líder de bancada do PMDB, José Ademar Melchior, explicou porque o partido não assinou o pedido de CPI. “O PMDB não assinou a CPI porque nós respeitamos as pessoas que já ganharam. Instaurando uma CPI, essas pessoas ainda não poderão morar nos seus apartamentos até o resultado da comissão”.

Já o vereador Celso Kramer, líder do PTB, vê na CPI a possibilidade de dar maior transparência ao processo. “Queremos dar legitimidade para as famílias que entram nessas casas e que são merecedoras”.

Por sua vez, a líder de governo, Ana Cláudia do Amaral Teixeira, do PDT, afirma que todo o processo é transparente e os dois casos de irregularidades comprovados até o momento já foram resolvidos. “Falamos à imprensa várias sobre isso, mais transparência do que isso é impossível. Tivemos duas denúncias com fundamento, comprovamos que não seria justo e tiramos essas pessoas”.

Enquanto isso, segue agendada para esta quarta-feira (12), reunião para sorteio das unidades entre os contemplados do condomínio Altos da Aviação. Já a inauguração está prevista para o dia 21 de março.

Terraneja
Apresentação: Adriano Tarelli
2ª a 6ªfeira, das 16h às 19h e aos sábados das 15h às 18h